terça-feira, 24 de maio de 2011

Da forma dos deuses: Fogo

Dos quatro deuses, claramente se mostrou o mais poderoso. Seus dedos inquietos soltavam fagulhas coloridas que enfeitavam os céus em forma de estrelas.

No rosto havia uma confiança que nunca vi em homem algum, e sorria para mim de forma que me fazia sentir um ser igual a ele, nem inferior ou superior.
“Gosto das sombras”. Falou. “Elas me fazem ver como as obras que crio possuem certa utilidade”.

Ele iluminou seu corpo em chamas multicoloridas e pude perceber que era moreno, talvez pela constante exposição às suas criações. Lembrava um guerreiro vigoroso, que combinavam com os traços fortes do rosto. Se fosse um homem, sua beleza com certeza colocaria muitas mulheres aos seus pés. Seus cabelos curtos lembravam chamas de fogueiras que nunca se apagavam.

Ele colocou em mim seus olhos incandescentes e eu soube que era hora de fazer meu questionamento.

“Qual a razão de nossa existência em Senna?”. Perguntei.

“Simples e direto como todo jovem”. Ele sorriu como se já soubesse da pergunta. “Todo ser humano é um adubo para o solo da Árvore da Vida”. Ele voou rapidamente até mim, e colocou seu dedo indicador em minha boca. Sabia que eu estava próximo de fazer uma pergunta.

“Uma pergunta! Somente ela.Estou impossibilitado de responder mais que isso. Mas não diga que a árvore da Vida teve seu fim. Apenas acredite nela, como acredita em você. A raça humana é o adubo para ela e os frutos são suas ações. Não há punição se você agir de forma bondosa ou maldosa, mas conseqüências. Se você for bom, aproveitará do fruto mais doce da árvore. Se for mal, só provará um sabor amargo.”

“Não tive minha resposta”. Falei contrariado, era jovem e impulsivo quando me encontrei com deus Fogo.

“Eu digo que a teve”. E como os três outros deuses, ele me deixou com um sussurro.

Quando acordei, meu coração batia no peito, irritado, constrangido, sentindo-se enganado. Hoje ele bate calmo, alimentado pela sabedoria acumulada ao longo dos anos. Minha mente se encontra livre e sim, ele havia realmente me respondido.


------- Trecho de "Despertar nas Chamas", Crônicas de Bach Menestrl -------

Próximo Post: Da forma dos deuses: Terra

3 comentários:

  1. Aiaiaiai... ele parece ser tão sexy e gostosoooo!!! *Imaginação à mil*
    Lembre-se Gui: esse é meu!!! xD

    ResponderExcluir
  2. Socorro Macias Bogéa7 de setembro de 2011 11:54

    Parabéns filhão!!! Mais uma vitória em sua vida, você merece. Te amo!!!!

    ResponderExcluir